A 8 de Março de 1857 um grupo de mulheres que lutavam pelos seus direitos e que acreditavam e defendiam os mesmos foram trancadas e queimadas vivas como maneira de dar uma lição a outras possíveis rebeliões, o que o mundo defensor apenas do direito dos Homens não esperava é que anos depois, isso em 1910 a Organização das Nações Unidas iria internacionalizar a data como um marco histórico. Desde então em toda parte do Mundo o mês de Março é conhecido por “Março Mulher”.

Foi por mulheres que não tiveram medo de enfrentar uma ideologia machista que muitas outras mulheres hoje têm a oportunidade de mostrar do que são capazes, muita das vezes sendo as melhores em trabalhos talhados apenas para homens.

A essas mulheres atribuí-se o termo: Mulheres que Inspiram, elas estão em todos os cantos, as nossas avós, mães, tias, primas, amigas, professoras, colegas de serviço, até aquela empregada lá de casa que tem uma história de vida emocionante, elas nos inspiram de diversas maneiras, com conselhos de vida, com demonstrações de afeto entre outras, até as atrizes de cinema, as personagens de estórias de livros que ouvíamos ao crescer. Elas inspiram nós a sermos Mulheres, a sermos destemidas, elas inspiram-nos a seguir os nossos sonhos sem temer, mais sim aceitando uma rejeição.

É inspirando e deixar-se inspirar que para o mês de Março decidimos inspirar-vos com histórias simples e lindas de jovens mulheres angolanas nas mais diversas áreas que decidiram seguir o caminho da inspiração e se deixar levar, levando com elas sonhos, medos, determinação e força de vontade.

Esperamos que com essas histórias vocês possam sentir-se inspirados e inspirar alguém próximo de ti,

Equipa JdB .