O CEO da Asus, empresa taiwanesa especializada na fabricação de hardware, Jerry Shen, mostrou-se pessimistas em relação às pessoas continuarem a desejar o iPhone X, por esse ter uma Cadeia de fornecimento insuficiente e o preço alto podem desanimar os usuários.

O iPhone X é o telefone mais desejado do ano. Será? Em passagem pelo Brasil para lançar a nova linha de smartphones Zenfone 4, o executivo Jerry Shen, disse em entrevista que não tem certeza se o consumidor vai continuar a desejar o aparelho da Apple após sua chegada em Novembro. Ele tem dúvidas sobre a capacidade da empresa em entregar o produto.

“Algumas pessoas estão a esperar o iPhone X. Mas precisamos aguardar uns 3 meses a questão da cadeia de fornecimento. Ela não é suficiente. E se não for, não tenho certeza que as pessoas vão continuar a querer comprar. É tão caro”, disse Shen.

“Isso é a chave. Você pode desenvolver algo novo e realmente inovador, mas se não tiver a cadeia de fornecimento, não consegue entregar ao mercado”, complementou o brasileiro Marcel Campos, chefe global de conteúdo da Asus.

A dupla de executivos lançou na terça quatro modelos de smartphones: Zenfone 4, Zenfone 4 Selfie, Zenfone 4 Selfie Pro e Zenfone 4 Max. As diferentes configurações de armazenamento e memória RAM da linha, porém, elevam a 9 o número de novos telemóveis da Asus.

Asus é uma empresa taiwanesa especializada na fabricação de hardwares como, placas-mãe, placas de vídeo, discos ópticos e Computadores portáteis. Também produz componentes para outras empresas como a Sony (PlayStation 2), Apple (iPod, iPod shuffle, MacBook), Alienware, Falcon Northwest, HP e Compaq.