Por: Redacção


O capitão do Santa Rita de Cássia do Uíge, Pedro Malundoma, reconheceu no fim-de-semana que a desorganização e a falta de ambição apresentada pela direcção do clube durante o Campeonato Nacional da primeira divisão, o que ditaram como factores determinantes que levaram a despromoção da equipa.

Falando à imprensa no final do jogo em que o grupo consentiu a derrota diante do Petro de Luanda, por 2-4, em jogo da 29ª jornada da competição, Malundoma explicou  que   inúmeras situações contribuíram negativamente para a descida de divisão do clube.

“O momento é de rever as falhas”, disse.

O 1º de Agosto venceu ao ASA, no último domingo, por 1-0, no jogo da penúltima (29ª) jornada do Campeonato Nacional de futebol da primeira divisão (Grabola2017), disputado no estádio dos Coqueiros. A vitória permitiu, assim, aos militares à conquista antecipada da prova.