Texto: Neliengue Sancho


 

4 elementos da mesma família morreram carbonizados numa casa incendiada, ontem, quarta-feira, no bairro Mundial, nos Ramiros, em Luanda, ateado pelo dono da residência, por motivos passionais.

Segundo informação prestada pela polícia à imprensa, hoje, o indivíduo confessou ter colocado fogo na residência em que estava uma mulher de 24 anos, duas jovens, cunhadas, de 17 e 22 anos e o filho de 1 ano. De acordo com o autor confesso, em declarações à rádio Luanda, consumou o crime porque sempre que se envolvia sexualmente com a esposa, esta reagia citando nome de um suposto amante.

O acusado confessou o crime alegando ciúmes como motivação. A cção foi consumada despejando gasolina e ateando fogo a residência onde dormiam os 4 elementos, trancando de seguida a porta para evitar que as vítimas escapassem, provocando morte por carbonização dos mesmos. O acusado já está prestar contas a justiça.