Texto: Jéssica dos Santos


 

A cantora Nsoki sofreu plágio de duas músicas suas pela dupla brasileira de música sertaneja, Bruno e Léo, esta regravou e está prestes a publicar em disco, sem autorização e nem aviso prévio, os mesmos sucessos foram  escolhidos para músicas de promoção do novo álbum dos brasileiros, entretanto os cantores sertanejos admitem a desonestidade e prometem negociar.

A representante da cantora angolana mencionou, em declarações ao Jornal de Angola, que se tratam dos temas “Meu anjo” e “Bye Bye”, integradas no repertório do álbum de estreia “Meu Anjo”, publicado em Outubro de 2013, que sofreram pequenas alterações em termos de melodia, ritmo e letra.

Segundo Nilza Lima, as músicas foram regravadas pelos gémeos brasileiros Bruno e Léo, no estilo de música sertaneja, e fazem parte do disco da dupla intitulado “Sofrimento é só passado”.

As músicas copiadas têm as mesmas melodias, cadências e as letras das músicas originais e alguns termos usados frequentemente pelos brasileiros foram introduzidos nas composições, “o que as tornou mais abrasileiradas”.

Os artistas brasileiros escolheram a música “Meu Anjo”, o maior êxito da cantora Nsoki como (música de promoção) dos mesmos.

A música tem videoclipe que se encontra disponível na plataforma digital Youtube, onde tem mais de 300 mil visualizações. O tema “Bye Bye” ganhou o título “Adeus” e também está disponível na plataforma de divulgação digital em formato áudio e tem mais de seis mil pesquisas.

A representante de Nsoki informou ainda que  os músicos brasileiros consentem o erro e prometeram alterar a autoria das letras em todas as plataformas onde as músicas estão publicadas, depois de serem contactados e convidados a pronunciarem-se sobre o assunto.

As músicas de Nsoki estão registadas pela Sociedade Portuguesa de Autores (SPA), associação dos direitos de autor que nos próximos dias entra em contacto com os representantes dos cantores brasileiros para chegar a um acordo, afirmou Nilza Lima após considerar “uma violação e desrespeito grosseiro a intelectualidade alheia”.

 A dupla brasileira, Bruno e Léo, confessou a admiração pelos trabalhos de Nsoki e desculparam-se pelo sucedido.

Bruno e Léo é uma dupla de música sertaneja oriunda do interior do estado de São Paulo. Com uma carreira sólida conquistada com os álbuns “Meu Anjo”, lançado em 2013, e “Prova dos Nove”, em 2015, Nsoki é atualmente uma das vozes femininas de maior referência da música moderna angolana.

Neste momento a cantora integra o projecto Africa United, com os DJ Paulo Alves e Maphorisa, da África do Sul, com o intuito de promover uma aproximação mais eficaz entre os africanos. Nsoki foi também convidada a participar do Cabo Verde Music Awards (CVMW), representando Angola.

A sua carreira ficou reconhecida em 2012 com o lançamento do primeiro single “Meu Anjo”, uma produção de Nanutu e do cabo-verdiano Johnny Ramos.