Texto: Michel Candembo


A batalha do Kuito Kuanavele teve lugar na província do Kuando-Kubango e é resultado de uma série de conflitos entre as forças militares do apartheid sul-africano e as extintas FAPLA (Frças Armadas Populares de Libertação de Angola) que em parceria com o exército cubano acabaram por vencer o regime de segregação racial sul-africano.

 A efeméride é comemorada em Angola mas teve uma grande repercussão a nível mundial, uma vez que obrigou os sul-africanos a assinarem os acordos de Nova York, EUA, que previam a independência da Namíbia e o fim do regime que vigorava na África do Sul. 

 Em homanagem aos heróis tombados, foi erguido um monumento na província e a data é comemorada fazendo sempre referencia a personalidades como o general ‘Ngueto’ (já falecido), que foi um dos protagonistas desta vitória histórica e figura de destaque no processo de afirmação de Angola enquanto país independente