MUNDOPOLITICA

Presidente do Burkina Faso decide demitir-se

O Presidente do Burkina Faso, Roch Kaboré, anunciou hoje a sua demissão, após a tomada do poder pelos militares, na sequência do golpe de Estado no domingo.  

Numa mensagem dirigida à nação burquinabe, Roch Kaboré  de 64 anos disse que decidiu se demitir das suas funções de Presidente do Burkina Faso, chefe de governo e comandante supremo das Forças Armadas Nacionais por causa dos acontecimenntos do último domingo.

” Deus abençoe o Burkina Faso”, concluiu numa carta divulgada pela televisão estatal RTB e dirigida ao tenente-coronel Paul Henri Sandaogo Damiba, o novo homem forte do país.

A carta de Kaboré, que governava o país da África Ocidental desde 2015, foi divulgada depois de os militares terem confirmado na noite de ontem (24.01), na televisão estatal, a tomada do poder e anunciado a dissolução do Governo e do Parlamento, bem como a suspensão da Constituição.

O capitão Sidsore Kaber Ouedraogo disse que o Movimento Patriótico de Salvaguarda e Restauração (MPSR) trabalharia para estabelecer um calendário “aceitável para todos” para a realização de novas eleições, mas sem avançar pormenores.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo