DESPORTO

Trágedia que causou 8 mortos e 40 feridos no CAN obriga retirada do estádio das competições

Texto: Berlantino Dário

A Confederação Africana de Futebol abriu, esta terça-feira, com urgência um inquérito aos incidentes ocorridos segunda-feira, nos arredores do estádio Olembé, em Yaoundé, antes do jogo entre as selecções de futebol de Camarões e Ilhas Comores.

O dia ficou marcado pelo incidente que provocou, até ao momento, oito mortos e 40 feridos, dos quais sete se encontram em estado grave.

Os incidentes aconteceram logo à entrada do estádio onde decorreu a partida vencida pela selecção dos Camarões por 2 – 1, referente aos oitavos de final do Campeonato Africano das Naçoes, CAN202.

Em declarações à imprensa, o presidente da Confederação Africana de Futebol (CAF), Patrice Motsepe abriu com urgência um inquérito que visa apurar os responsavéis do acto, e a polícia de  segurança presente ao redor do estádio.

Em consequência, do acontecimento, a CAF retirou de imediato do seu calendário, o recinto para os jogos dos quartos de final da Taça das Nações Africanas, marcado para domingo e em substituição, estará disponível o Estádio Ahmadou Ahidjo, situado também em Yaondé para a disputa do jogo referente aos quartos de final para este domingo.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo