SOCIEDADETecnologia

Estudante cria projecto de produção de combustível com óleo de cozinha usado

Jemina Miúdo tem um projecto de produção de biocombustível através de óleo vegetal usado. A criação pode ser aplicada nos motores de ignição por compressão (diesel) e pode gerar energia em grande escala para as comunidades.

A jovem estudou Engenharia de Refinação de Petróleos no Instituto Superior Politécnico Jean Piaget de Benguela. O trabalho faz parte do seu projecto de fim de curso apresentado na semana passada e obteve a classificação “excelente”.

Sob o tema “Projecto de uma planta piloto para produção de Biodiesel a partir de óleo vegetal usado”, a monografia baseia-se na modelagem, construção e montagem de uma unidade de produção em “batelada” de 45 litros de biodiesel, a partir do óleo vegetal de fritura.

Segundo a engenheira, verifica-se no dia-a-dia desperdícios do óleo vegetal usado nas frituras, que gera resíduo descartado nos solos, corpos hídricos ou esgotos, por isso pensou em reaproveitá-lo e produzir um combustível limpo, que previne o meio ambiente.

O produto destina-se a motores de ignição por compressão (diesel) e é rentável. “é exequível, de modo que nas localidades as pessoas conseguem eventualmente produzir o seu próprio combustível. O biodiesel pode ser adicionado ao gasóleo de petróleo na ordem de 20% de biodiesel e 80% de gasóleo, devendo ser usado nos motores a diesel”, defende a estudante.

A matéria-prima da criação é o óleo, uma vez que o biodiesel é um combustível proveniente da biomassa da matéria orgânica vegetal e animal, alternativa ao gasóleo convencional de petróleo, refere.

Jemina pretende aprimorar o equipamento e almeja receber investimentos e colocar o projecto a funcionar, gerando energia para as comunidades do país.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo