Estilo de VidaNegóciosSOCIEDADE

Sonhava ser professora e não conseguiu. Virou babá e pagou outro curso, hoje é enfermeira e modelo profissional

Texto: Berlantino Dário

Delfina Fonseca tem 27 anos e sempre sonhou ser professora de hotelaria e turismo. Mas, as condições financeiras não lhe permitiram concretizar o seu objectivo e teve que se tornar modelo fotográfica.

A jovem conta que devido à incapacidade financeira dos pais, aos 17 anos teve que trabalhar como babá e passou a apoiá-los nas despesas de casa. O dinheiro que restava conseguia pagar o curso de enfermagem.

E ficou feliz por saber que seria alguém no futuro, até que certo dia algo errado aconteceu na sua vida: sofreu um acidente de viação, quando andava de moto-táxi.

“Fiquei aí na estrada, porque ninguém queria me socorrer por medo, pensaram que eu tivesse morrido. Apareceu uma senhora que parou para me socorrer. Levou-me ao hospital do Prenda. Chegou na portaria do hospital me abandonou por medo.”, emocionada contou.

Depois do acidente, Delfina perdeu o emprego. “Não é necessário falar sobre aquele emprego, porque não me sinto bem falar sobre esses malandros aí. Eu não mereço o que eles fizeram. Mostraram ser cristãos, mas não passaram de pessoas de má-fé, mesmo depois de muito tempo de trabalho.”, desabafou. 

Como a sorte persegue os humildes, quando tudo parecia perdido, uma luz apareceu e recebeu o convite de um amigo para ser modelo. A princípio negou, porque pensava que já não tinha beleza para pousar, achava-se feia e velha. Mais tarde, acabou por aceitar. Com a moda, combateu a depressão.

Natural de Luanda, a modelo inspira-se em Lesliana Pereira e Zuleica Wilson e gostaria de chegar muito mais longe e pousar para grandes revistas, agências de moda e ser capa de grandes eventos no mundo da moda.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Botão Voltar ao Topo